terça-feira, 13 de junho de 2017

Cinco minutos após a volta de Jesus!


Por Odair José da Silva 

“Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor”. 1 Tessalonicenses 4. 16-17.

Não se sabe ao certo a sensação que essas pessoas sentem agora. Houve um enorme silêncio. Um silêncio aterrador. As informações são desencontradas. Houve uma pane geral nos meios de comunicação. As redes sociais congestionaram. Não há sinal de celular. Algumas pessoas ainda estão atônitas sem saber o que aconteceu. São milhões de desaparecidos. E o fenômeno é mundial. Não há um único lugar no globo terrestre que não haja desaparecidos. Alienígenas? Catástrofes? Vírus? Terceira Guerra Mundial? O que está acontecendo?

Algumas pessoas começam a correr de um lado para outro em busca de informação. Os noticiários, aos poucos, vão voltando à normalidade. Mas, as notícias são desencontradas. O que se pode afirmar é que o número de desaparecidos é enorme. Praticamente em todas as casas há alguém que não mais está presente entre os sobreviventes desta calamidade. Lembram da teoria dos Alienígenas do Passado? Será possível que naves espaciais “sequestraram” tantas pessoas assim ao mesmo tempo em todo o planeta Terra?

E a teoria dos crentes? Lembram-se? Tinha uns fanáticos religiosos que afirmavam que seriam arrebatados, eles sumiriam. Será que de fato isso aconteceu mesmo? As perguntas são muitas e não há nenhuma resposta que satisfaça os desejos da população. Em todos os lugares desapareceram pessoas. Nos aviões, nos ônibus, nos trens, nos navios, nas grandes indústrias, nas escolas, nos hospitais, em todos os lugares. O que aconteceu?

Começa haver pânico entre a multidão. Pessoas desconsoladas correm de um lado para outro na busca frenética por informação. Algumas autoridades também estão entre os desaparecidos. E não há ninguém capaz de dar uma resposta satisfatória sobre a situação. Começa haver choros e gritos de algumas pessoas. Alguém se lembra dos crentes? Ah! Eles devem saber o que aconteceu. Mas, se tem haver com eles não haverá nenhum deles para dar a noticia. Não importa, vamos até uma igreja.

Sim. Aconteceu o arrebatamento descrito na Bíblia. De fato Jesus veio como ladrão de noite e levou os fiéis, os que o aguardavam com esperança e praticavam a piedade de uma vida cristã sincera, os que aceitaram Jesus como Salvador e arrependeram dos pecados. Diante dos olhos arregalados dos interlocutores, o membro da igreja continua - não fomos porque, na verdade, não levamos a coisa muito a sério. Achávamos que ainda tinha tempo. Mas, Jesus veio e levou os fiéis. Eles estão seguros agora. Nós estamos perdidos. Este mundo será entregue nas mãos do Anticristo e ele governará pelos próximos sete anos. Tudo está perdido para nós. O tempo da graça acabou.

Há um pronunciamento em todos os canais de notícias do mundo todo. Um grande personagem irá falar. Não tenham medo. Vamos resolver essa questão em breve. O mundo precisa de paz e segurança. Eu garantirei isso a todos. A partir de hoje estarei no comando das nações e minha prioridade é a instituição de uma única religião e economia. Com isso resolverei a questão da paz e segurança.

“Porque, naqueles dias, haverá uma aflição tal, qual nunca houve desde o princípio da criação, que Deus criou, até agora, nem jamais haverá”. Marcos 13. 19.

Texto: Odair José, Escritor Cacerense

Um comentário:

  1. É forte. As pessoas não acreditam nisto. Mas está tão claro, tenho orado ao senhor por aqueles meus familiares que ainda não se decidiram. Recentemente, eu tive uma revelação forte algo sobre natural. Que nem sou merecedora, de ter contemplado! Toda revelação, não posso revelar. Mas posso falar de uma parte. Adormeci, e de repente vi um clarão, sair para apreciar. E pude contemplar algo espetacular. Havia duas luas no céu, Ap 12/13 uma escura e a outra cintilava era a lua mais linda que já vi. Eu gritava para chamar a atenção das pessoas que estavam correndo de um lado para o outro, mas ninguém via só eu pude apreciar. Quando olhei mais adiante havia uma mensagem, lembrei-me de João na ilha de Patmos. Ap 1/9.Não compreendia a mensagem, clamei a Deus que traduzisse parecia aramaico e/ou hebraico. Na terceira vez, veio a tradução para o português. Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. João 14:6. Eu tentei fotografar as luas e tudo que eu estava vendo o telefone não funcionou. Mas acima havia uma porta lacrada era branca tão branca que nunca vi tanta brancura. A outra parte Deus falava para mim através de mensagem também. Jamais esquecerei este acontecimento, despertei chorando tamanha a emoção. Jesus está voltando! E o grande momento celular não vai registrar, será num piscar de olhos. Todos os sinais estão aí, e outra coisa que me chamou a atenção é o amor de Deus por nós pobres pecadores. É tempo de adoração e santificação para alcançar a graça/salvação.

    Abraço

    ResponderExcluir